Com uma folha salarial de 4 milhões por mês o Internacional estréia na Libertadores na luta pelo bi


Em Porto Alegre, o Inter entrará em campo, nesta terça, para estreiar em sua oitava Libertadores, contra o Emelec, do Equador. O Colorado é, dos times brasileiros, o mais sulamericano de todos. A começar pelo técnico, o uruguaio Jorge Fossati, são seis estrangeiros do continente. O goleiro argentino Pato Abbondanzieri, 37, que chegou ao Beira-Rio na última sexta-feira, deve estreiar. Presença garantida é do capitão Guiñazu e do zagueiro Sorondo. O meia D’Alessandro não joga, pois se recupera de uma cirurgia no rosto. Como opção, o sexto sulamericano, o uruguaio Bruno Silva.

Com o time de maior investimento da história do clube e uma folha salarial que chega a quatro milhões de reais por mês, os torcedores esperam o título da Libertadores. Para o experiente Fossati, somente o título da América é sinônimo de sucesso. Para isso, o Inter estreia com o time mais forte do grupo 5, o Emelec. A chave conta também com Cerro, do Uruguai, e Deportivo Quito, do Equador.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: